5 Minutos de História: A Geração Beat

Outubro 17, 2017/Blog

O que foi: “Geração Beat” é o nome dado a um grupo de norte-americanos constituído maioritariamente por escritores e poetas que viveram nas décadas de 1950/1960; O trabalho destes autores explorou e influenciou a cultura e a política norte-americanas nos anos seguintes à Segunda Guerra Mundial; Tinham como lema a rejeição dos valores padronizados, a busca espiritual e a rejeição do materialismo; Faziam retratos explícitos da condição humana, experimentavam diversas drogas e lutavam pela libertação sexual; A Geração Beat pode ser vista como o embrião do movimento hippie, mas é no existencialismo como filosofia que ela se funda; Howl (1956) de Allen Ginsberg, Naked Lunch (1959) de William S. Burroughs e On the Road (1957) de Jack Kerouac são apontadas como as principais obras deste movimento que veio a dar origem à famosa contracultura norte-americana;

Como começou: Foi na Universidade de Columbia, em Nova Iorque, que se encontraram vários daqueles que viriam a ser os protagonistas da Geração Beat e é comummente aceite que embora tenham sido um grupo antiacadémico, muitas das suas ideias foram formuladas como resposta a professores; Os jovens de então sugeriam que era necessária uma nova visão que fosse contra os ideias literários conservadores que os professores detinham; Na mesma linha surge a defesa de um amor livre e a apologia da libertação sexual que ia contra os ideias cristãos da época; Muitos destes escritores viriam a assumir-se como homossexuais ou bissexuais, como é o caso de Ginsberg e Burroughs, e os seus futuros livros seriam conotados como obscenos por conterem várias cenas sexuais que incluíam a pedofilia;

Influêcias: Foi Jack Kerouac quem apresentou o termo “Beat Generation” com conotações “beatíficas” que pressupunham um “estar no ritmo”; Walt Whitman, Henry David Thoreau, Edgar Allan Poe, William Blake, André Breton, Arthur Rimbaud e Charles Baudelaire foram assumidamente influências que a Geração Beat adotou a par de autores mais recentes como Ernest Hemingway e Gregory Corso; Por seu turno, a Geração Beat também influenciou diversas áreas da sociedade vendo na música a sua principal projeção – John Lennon, Bob Dylan, Jim Morrison, Janis Joplin, Mick Jagger, Lou Reed, David Bowie e Patti Smith foram alguns dos nomes que assumiram a sua influência; E não é por acaso que os “The Beatles” se chamam assim;

Objetivos: A libertação era a palavra chave do movimento beat; A par da libertação sexual o movimento também proclamava o interesse na libertação das mulheres, dos negros e da censura; A desmistificação e descriminalização da cannabis e de outras drogas era outro dos pontos de interesse do movimento; A consciência ecológica e a oposição à “civilização das máquinas” tanto militar como industrial também fazia parte dos objetivos beat, assim como uma nova religiosidade que apelasse ao espiritual de cada ser humano; Reavivar as idiossincrasias em detrimento de seres humanos que se assemelham a “carneirinhos bem comportados” era outro dos motes que a Beat Generation afirmava;

Teresa Rolla

TeresaRolla.com